quarta-feira, 9 de março de 2011

Como Usar Vaselina...

Quem fala o que quer...
 
Um paulista, trabalhando pesado, suado, terno e gravata, vê um baiano deitado numa rede, na maior folga. O paulista não resiste e diz:   
-Você sabia que a preguiça é um dos sete pecados capitais? 
 E o baiano, sem se mexer, responde:   
- Óxente!!!! E a inveja é o quê?!

Playstation! Playstation! Playstation! (By Maisa)





































 

Como Usar Vaselina!!!
 
Dentro de uma farmácia, um estudante de Propaganda e Marketing faz perguntas aos clientes para uma pesquisa de mercado:

- Por favor, minha senhora. Eu estou fazendo uma pesquisa sobre o produto "Deslizafácil", para determinar os usos da vaselina no lar.
- A senhora poderia me dizer e como usa a vaselina?
- Sem se fazer de rogada, a mulher responde:
- Em casa, usamos a vaselina para machucados, pele seca, assaduras e quando fazemos amor.
 
Ele então tentando nitidamente deixar a mulher embaraçada faz a seguinte pergunta: 

- É a primeira vez que ouço a respeito do uso da vaselina para fazer amor, poderia detalhar exatamente em quais locais e como ela é colocada ?
- Mais uma vez, sem se abalar, a mulher responde:
- Eu coloco na maçaneta da porta do quarto.
- Na maçaneta da porta ? ! ? !
- É, as mãos escorregam e isso impede que as crianças entrem!

 
Aprendeu?!? Mente poluída. Três Pai Nossos e cinco Ave Marias, de joelhos, em duas tampinhas de refrigerantes... AGORAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

Na Quarta-Feira de Cinzas...
 
Um jovem casal e convidado para uma festa de máscaras. A esposa por causa de uma terrível dor de cabeça, diz para o seu marido ir a festa sozinho e divertir-se. Ele diz que não quer ir sozinho, mas ela insiste e diz que vai tomar uma aspirina e dormir, e que não há motivo para ele perder a festa. Então, contrariado, ele pega na sua mascara e vai. A esposa, após dormir uma hora, acorda sem dor de cabeça, e como ainda é cedo decide ir a festa. Como o seu marido não sabe qual e a mascara dela, ela acha que vai ser uma boa oportunidade de observar como e que o seu marido se comporta quando ela não esta por perto. Ela chega a festa e vê logo o seu marido mascarado na pista de dança com uma mulher muito bonita, pegando aqui e beijando ali. A mulher arranja maneira de se insinuar para que ele largue a outra. Ela deixa-o ir ate onde ele quer porque, afinal, ele e seu marido. Finalmente, ele sussurra alguma coisa em seu ouvido e ela concorda. Vão para o carro e fazem amor como uns loucos, duas, três, quatro vezes, sempre sem tirarem as mascaras. Depois separam-se e ela vai para casa, sem se revelar, e volta para a cama imaginando qual será a explicação que ele dará sobre o seu comportamento na festa. Quando ele chega ela esta a ler um livro na cama e pergunta-lhe: 

- Então, divertiste-te? Ele responde: 
 - A mesma coisa de sempre. Tu sabes que eu nunca me divirto quando tu não estas. Ela pergunta-lhe: 
 - Dançaste muito? E ele responde: 
 - Vou-te contar uma coisa: não dancei nada! Quando eu ia para a festa encontrei o Zé e o resto da malta e decidimos ir para casa dele jogar as cartas. Foi a noite inteira! Mas vou-te dizer uma coisa... o gajo a quem emprestei a minha mascara diz que teve uma noite fabulosa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget